quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

24ª SIME: Encontro com a jornalista da Lusa, Joana Carvalho Fernandes


Este ano tivemos a oportunidade de conhecer a Correspondente da Lusa, a jornalista Joana Carvalho Fernandes que está neste momento a terminar a sua missão em Paris, motivo que nos levou a realizar este encontro neste mês de fevereiro.

A jornalista veio encontrar-se com as turmas de 6º 


e de 7º ano


na sala de aula, onde os alunos a puderam entrevistar oralmente sobre a sua profissão, sobre o seu trabalho como Correspondente da Lusa. Mostrou algumas reportagens que fez e até pediu aos alunos do 6º ano que dessem um título a uma das reportagens ouvidas na sala de aula. Também nos mostrou o sítio internet da Lusa e como tudo funciona ao nível da consulta das informações nele disponibilizado.

Depois da entrevista oral veio o momento de redigir a entrevista escrita:





Para os alunos que desejassem documentar-se melhor sobre o trabalho de jornalista, Joana Carvalho Fernandes aconselhou a leitura deste livro:

Os cínicos não servem para este ofício de Ryszard Kapuscinski, Editora Relógio d'Água.


Um livro «conversado» sobre o trabalho dos jornalistas e a responsabilidade dos intelectuais que se dedicam à informação.
«É um erro escrever sobre alguém com quem não se partilhou pelo menos um fragmento da vida.» Esta é uma das afirmações de Os Cínicos Não Servem Para Este Ofício, um livro «conversado» sobre o trabalho dos jornalistas, as suas dificuldades e regras, e, mais geralmente, sobre a responsabilidade dos intelectuais que hoje em dia se dedicam à informação.
O repórter polaco, Ryszard Kapuscinski, falecido no início de Janeiro de 2007, aborda os problemas surgidos na sua actividade, nesta época de grandes mudanças políticas e sociais e de rápidas alterações tecnológicas na área da informação. Como falar de pobreza, de fome e das guerras? Qual a relação entre a realidade e a narrativa que dela se faz? Pode ser-se um bom jornalista sem motivações éticas? Que alterações foram provocadas no jornalismo pela televisão e a Internet?
Além de uma conversa com Maria Nadotti, o livro inclui uma entrevista feita por Andrea Semplici sobre os acontecimentos que levaram à emancipação africana do domínio colonial e um diálogo com o crítico de arte John Berger.
in http://www.fnac.pt/Os-Cinicos-Nao-Servem-Para-Este-Oficio-Ryszard-Kapuscinski,/a296952?PID=5&Mn=-1&Mu=-13&Ra=-1&To=0&Nu=1&Fr=0, consultado a 20-2-2013.

A jornalista que encontrámos esta manhã tem o seu blogue com várias notícias que podem ser lidas em http://joanacarvalhofernandes.wordpress.com/category/joana-carvalho-fernandes/

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

24ª SEMANA DA IMPRENSA E DOS MEDIA NA ESCOLA - Imagens para informar (25 a 30 de março de 2013)

A 24ª SIME decorrerá entre os dias 25 e 30 de março 2013 subordinada ao tema «Imagens para informar»

As imagens constroem a atualidade, sejam fixas ou animadas, quer as vejamos na televisão, nos sítios internet, na imprensa ou na radio - porque na radio as palavras criam imagens. Trata-se de questionar o lugar que ocupam, de examinar as suas fontes, de determinar a que género pertencem. É a oportunidade dos alunos criarem as suas próprias imagens, inéditas, originais, esclarecedoras, reveladoras da relação que os alunos constroem com o mundo que os rodeia.




in http://www.clemi.org/fr/spme/ consultado a 1 de outubro de 2012.

quarta-feira, 21 de março de 2012

23ª SEMANA DA IMPRENSA E DOS MEDIA NA ESCOLA - Imagens para informar

E porque na rádio as palavras é como se fossem imagens, vamos ver de perto três cromos do Nuno Markl (que faz parte da equipa que anima as manhãs da Rádio Comercial) Até que ponto:

a) as palavras do Markl "é como se fossem imagens"?
b) que lugar ocupam as palavras do Markl nas manhãs da Comercial?
c) quais as fontes das palavras do Markl?
d) a que género pertencem essas palavras do Markl?


Turma de 6º ano
"Bom-Bokas de Natal", cromo de Nuno Markl

E o anúncio a que se refere este cromo é o que se segue:


Turma de 7º ano
"O corredor da morte", cromo de Nuno Markl


Turma de 8º ano
"Calças que picam", cromo de Nuno Markl

segunda-feira, 19 de março de 2012

23ª SEMANA DA IMPRENSA E DOS MEDIA NA ESCOLA - Imagens para informar

Seguindo a sugestão do tema desta semana,
Imagens para informar (Des images pour informer)
vamos olhar de outra maneira para as imagens que a rádio traz até nós?

"A rádio consegue ser um meio quase tão visual quanto a televisão, basta apenas um pouco de imaginação", Nuno Markl no cromo que se segue:



Sobre os parodiantes de Lisboa:

Estavamos no ano de 1947, o semanário humurístico "A Bomba" dava por findado a sua publicação. É então que Ferro Rodrigues, Santos Fernando, Mário de Meneses, Mário Ceia, Manuel Puga, José Andrade, Ruy Andrade entre outros. Fundam a 18 de Março do mesmo ano os "Parodiantes de Lisboa".
O nome surgiu, segundo Mário de Meneses Santos, a propósito da companhia teatral de António Lopes Ribeiro e de Francisco Ribeiro (Ribeirinho), que actuava no Teatro da Trindade em Lisboa. A companhia tinha como nome "Os Comediantes de Lisboa".
Inicialmente o grupo começou com um programa chamado "Parada da Paródia", que ia para o ar às Terças-feiras pelas 20 horas na Rádio Peninsular, naquele tempo instalada na Rua Voz do Operário.
Ao longo dos anos vão-se juntando outros colaboradores, como Mary, Pouzal Domingues, Diamantino Faria, Pedro Moutinho, etc.
Todos eles "trabalhavam" por carolice.
Com e evento da publicidade, os Parodiantes de Lisboa, começaram a lançar novos programas, ainda nos Emissores Associados de Lisboa.
Assim, nasceu o programa "Graça com Todos", transmitido diariamente no Rádio Clube Português.
Este programa chegou a ser transmitido, simultaneamente, em Lisboa, Porto, Madeira, Angola, Moçambique e em muitas estações estrangeiras destinadas aos emigrantes.
Outros programas: "Vira o Disco", "radionovela", "Teatro Trágico", "Entre as dez e as onze" e "PBX". Este último marcou uma nova época dos programas da noite, na Rádio Renascença. Inicialmente realizado por Carlos Cruz e Fialho Gouveia e com a colaboração de vários profissionais ainda hoje prestigiados na rádio e televisão. O "PBX" acabou após o despedimento de Carlos Cruz e Fialho Gouveia. Nesta sequência, estes profissionais, juntamente com Raul Solnado, produziram um dos mais célebres programas de televisão - o "ZIP - ZIP"!

Figuras lançadas e muito populares

- O BÁUBAU E A FLAUSINA

- JACK TAXAS E O SEU CAVALO CARA LINDA

- MANAS CATATUA

- COMPADRE ALENTEJANO

- MENINO ARNESTINHO

- PATILHAS E VENTOINHA

- DELICADINHO DA SILVA

- O AMIGO FRESQUINHO

in http://www.classicosdaradio.com/ParodiantesLisboa.htm, 19-3-2012.

sábado, 17 de setembro de 2011

23ª SEMANA DA IMPRENSA E DOS MEDIA NA ESCOLA - Imagens para informar



De 19 a 24 de março de 2012,
vamos olhar de outra maneira para as imagens que os médias trazem até nós?



Tema
: Imagens para informar (Des images pour informer)

Quer sejam imagens fixas ou animadas, quer surjam na televisão, nos sítios internet, na imprensa ou na rádio - porque na rádio as palavras é como se fossem imagens - as imagens constroem a atualidade. Trata-se de questionar ao longo da semana o lugar que as imagens ocupam nos médias, de examinar as fontes de onde provêm, de determinar a que género pertencem.

No sítio do CLEMI há muitas mais informações sobre esta semana.

Offres spéciales des médias et partenaires

A l’occasion de la 23e Semaine de la presse, certains médias partenaires offrent aux inscrits un accès gratuit à leur site en mars 2012, ouvrent leurs antennes aux élèves et proposent de publier des articles rédigés en classe...

AFP

  • L’Agence France Presse (A.F.P.) offre à tous les inscrits la possibilité de découvrir ses services : dépêches et vidéos en 6 langues (français, anglais, allemand, arabe, espagnol et portugais) ainsi que des infographies et des photographies d’actualité durant le mois de mars 2012.
in http://www.clemi.org/fr/spme/medias/consultado a 17 de setembro de 2012.

terça-feira, 5 de abril de 2011

22ª SIME - Com os alunos da primária

Os alunos do 4º ano trabalharam a importância das fontes na informação que nos chega às mãos. Partiram de um artigo português e de um artigo francês da atualidade informativa do final de março de 2011. No powerpoint que se segue podem ler o trabalho realizado:

sexta-feira, 1 de abril de 2011

22ª SIME - Redigindo uma notícia na aula...

Os alunos do 6º, 7º e 8º anos, depois de terem estudado as caraterísticas da notícia, de terem compreendido a importância das fontes no mundo da informação, de se encontrarem com o jornalista Pedro Rosa Mendes no anfiteatro da escola, redigiram os três trabalhos que a seguir se apresentam:

Quem sou eu

Minha foto
Alguém que não se cansa de aprender! E que quanto mais sabe, menos sabe!